Em comemoração ao dia Mundial da Vida Selvagem, celebrado no dia 03 de Março, o Zoo Pomerode realizou diversas atividades voltadas ao tema da campanha de 2019 “A Vida debaixo da água para pessoas e planeta”.

A data comemorativa, foi criada pela ONU em 2013 com intuito de chamar a atenção do mundo para as ameaças da natureza, criando uma rede global de ações, desenvolvidas principalmente, por instituições voltadas para a conservação.

Com o objetivo de abordar sobres os impactos que a população humana causa ao ambiente marinho, foi elaborada uma cabine interativa, onde o público era convidado a explorar o fundo do mar. Ao observa-lo através de um snorkel, os visitantes tinham uma triste surpresa ao constatar, que na verdade, o fundo do mar estava cheio de lixo. Foram utilizados para compor o interior da cabine, materiais comumente encontrados no mar, como sacolas, pneus, latas, embalagens de produtos, etc. Todos os materiais apontavam para o tempo de decomposição de cada um.

O Mural do comprometimento foi elaborado com o objetivo dos visitantes se comprometerem com as mudanças de atitudes que possam diminuir o impacto causado ao ambiente marinho e a natureza.

Através do material disponibilizado pelo site oficial da campanha, foi elaborado um desenho de baleia onde o público deixou os seus recados, escrevendo-os em peixinhos confeccionados que, eram colados no mural, juntamente com a cauda da baleia.

A convite do Zoo Pomerode, no dia 17 de março, a ação contou com a presença da Associação R3 Animal, importante instituição que trabalha com resgate e reabilitação de animais silvestres. A equipe da R3 Animal expôs alguns materiais, abordando sobre os impactos negativos que o lixo pode causar aos animais marinhos. Os visitantes puderam ver recipientes com conteúdo, principalmente plástico, encontrado no sistema digestivo dos animais.